BLOCKCHAIN: A OBRA DE ARTE TOKENIZADA

BLOCKCHAIN: A OBRA DE ARTE TOKENIZADA

Este projeto de arrecadação de fundos tem dois objetivos principais: DIVULGAR a primeira obra de arte física de Nino Arteiro comercializada na forma de um ativo digital (um token representativo) e ESTIMULAR outr@s artistas a utilizarem essa inovadora forma de comércio.

0,2Pretendido
0Obtido
0Apoiadores
77Dias atrás
Apoie anonimamente

A TOKENIZAÇÃO DA ARTE

 

Nino Arteiro, um criptoartista ANÔNIMO futurista visionário brasileiro, disponibiliza para venda uma das primeiras obras de arte físicas no mundo comercializada na forma de um ativo digital. Transferindo o VALOR de uma OBRA DE ARTE FÍSICA para um token e guardando-a em segurança, qualquer artista poderá vender sua obra em pedacinhos digitais. Sendo assim, as pessoas poderão comprar FRAÇÕES de uma obra de arte e não ela inteira necessariamente, criando uma grande INOVAÇÃO no comércio de arte e permitindo que pessoas com um baixo poder aquisitivo também possam ter uma PARCELA de uma obra de arte que as ENCANTA, além de ser uma nova forma de PATROCINAR SEM BUROCRACIA e DIRETAMENTE artistas que elas ADMIRAM.


Fazendo uma analogia com as ações de empresa, está sendo implementada a FINANCEIRIZAÇÃO DA ARTE, ou seja, agora a obra de arte poderá ser vendida também na forma de AÇÕES (chamadas de tokens/criptoativos/ativos digitais no mundo das criptomoedas). Está surgindo na História da arte algo NUNCA visto antes que chamamos de PROPRIEDADE FRACIONADA DA OBRA.


Se tudo isso será algo REALMENTE bom pra ARTE e para @s ARTISTAS, talvez teremos a resposta para essa pergunta somente no futuro. Vemos a expressão artística como uma MANIFESTAÇÃO SAGRADA e esperamos que, nesse novo sistema que está surgindo, a arte não seja VÍTIMA de um ESTUPRO COMERCIAL GANANCIOSO praticado por pessoas VICIADAS em dinheiro e portadoras daquela SÍNDROME mental e emocional famosa chamada: FOMO(E). Esperamos que as pessoas e @s artistas não passem a ver a arte SOMENTE como uma mercadoria, SOMENTE como uma forma de investimento, como uma forma de lucrar. A ARTE É MUITO MAIS DO QUE ISSO! MUITO MAIS! MUITO MAIS! MUITO MAIS! MUITO MAIS! MUITO MAIS! …


Temos esperanças de que essa nova forma de comercializar obras de arte físicas BENEFICIE bastante a classe artística, pois, além de ser uma criativa e libertária maneira de PATROCINAR ARTISTAS, representa também a ELIMINAÇÃO d@s INTERMEDIÁRI@S (galerias, casas de leilão) no processo de venda, já que @ artista poderá comercializar, em uma GALERIA/EXCHANGE DESCENTRALIZADA, a sua obra de arte DIRETAMENTE com a pessoa interessada, que poderá ser qualquer pessoa do PLANETA. Já existem exchanges descentralizadas que POSSIBILITAM o comércio de tokens de obras de arte físicas e também tokens de criptoartes totalmente digitais.


Nino Arteiro é Artista Plástico há mais de 10 anos e estava realizando estudos sobre blockchain, criptografia, criptomoedas, token e tentando fazer uma ligação entre arte e tecnologia blockchain, quando teve vários INSIGHTS que o levaram a esta ideia: comercializar alguns de seus quadros na forma de TOKENS. A primeira obra gerada desses clarões de pensamento se chama: BLOCKCHAIN. O VALOR dessa obra foi transferido para os tokens NINOB. Sendo assim, a obra física ficará com o criptoartista, mas a VALORIZAÇÃO dela ficará com @s detentore(a)s dos tokens NINOB. De tempos em tempos, a obra de arte blockchain será EXPOSTA em museus públicos para a contemplação e para o acompanhamento de quem possui os tokens.


A obra de arte BLOCKCHAIN traz algumas reflexões e afirmações sobre a disruptiva e revolucionária tecnologia blockchain. Ela será usada para o bem e/ou para o mal?! Já é realidade ou é apenas uma tecnologia que será implementada no futuro? Ela gera a desintermediação na economia, ou seja, ela dá tchau para @s intermediári@s?! Ela está gerando disrupções em cadeia, em várias áreas diferentes?! Ela cria um mundo com a possibilidade de uma nova forma de organização, sem um comando central controlando tudo?! A técnica utilizada nesta obra foi a pintura com tintas spray e acrílica e verniz em madeira. As dimensões da obra são: 80 x 47 cm.